Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Jornada de um Estudante

Um Blog sobre aprender, ensinar e criar online.

A Jornada de um Estudante

Um Blog sobre aprender, ensinar e criar online.

O stress e a ansiedade são emoções que acompanham o dia de muitas pessoas. O chegar a casa e esses sentimentos acumulados por um dia de trabalho, podem sobrecarregar muito alguém. Principalmente, quando isto acontece não em apenas um ou dois dias, mas sim regularmente. Para combater isto, o ideal era arranjar um "remédio milagroso". Um remédio que combatesse todas essas emoções e mais algumas. Não seria isto perfeito? Muito bem, tenho a dizer que esse remédio existe, e que está (...)
Há uns dias para cá apercebi-me de uma pequena sucessão de hábitos que me deixa com uma sensação de bem-estar tremenda. É disso que venho falar aqui hoje. Com o objetivo de eternizar este momento e, quem sabe, replicá-lo para os dias seguintes que vêm. Neste momento são 10 horas da manhã. Levantei-me por volta das 7h45, comi qualquer coisa rápida pois não gosto de correr de barriga vazia e saí de casa para a minha corrida pelas 8h20. Cheguei a casa eram exatamente 9h15. (...)
Em tempos tão monótonos como os que vivemos, por vezes arranjamos dificuldade em nos entusiasmarmos com alguma coisa. O que nos entusiamava, fizemos nos primeiros dias. Ao fim de 3 semanas, toda essa emoção e sentimento desapareceu e o que restou foi cansaço, aborrecimento e desespero por uma rotina nova. Apesar de tudo, venho-vos dizer que não tem de ser sempre assim. Podem muito bem fazer pequenas mudanças na vossa rotina e aproveitá-la, de verdade. Ficarem genuinamente felizes, (...)
Nos últimos 11 dias, tenho implementado na minha vida um hábito que já há algum tempo não praticava: a meditação. Sempre fui um bocado cético em relação a este hábito, apesar de conhecer todos os benefícios que ele traz. Não sei. Começava a meditar, passando uns dias, deixava-o de lado outra vez. Não conseguia ser consistente. Há 11 dias atrás retornei e, até falha em contrária, é para continuar! São agora, precisamente 22h52 quando acabo de meditar. E, durante a (...)
De acordo com David D. Burns, uma pessoa depressiva vê-se negativamente a partir dos 4 D's: defeated, defected, deserted and deprived. O que leva estes indivíduos a sentirem-se assim acerca de si próprios é a sua baixa auto-estima. Mais uma vez, é a forma como se vêem a si próprios. Quanto mais deprimido estes indivíduos estiverem, mais distorcido os seus pensamentos estão. Como se perdessem a capacidade de pensar claramente. Por isso, quanto mais forem insinuando coisas negativas (...)