Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Jornada de um Estudante

Um Blog sobre aprender, ensinar e criar online.

A Jornada de um Estudante

Um Blog sobre aprender, ensinar e criar online.

Dias preenchidos com sorrisos, surpresas e memórias. Pequenas coisas que ajudam a abstrair de todas as preocupações que se tem no dia-a-dia. Pequenas coisas estas que, também, muitas vezes não são assim tão valorizadas. Aproveitar o momento e aproveitar o presente. Vivê-lo de tal forma que se consiga vivê-lo também no futuro. Experiências e vivências marcantes não são momentos do presente, acabando por ficarem perdidas no passado. São sim momentos perpétuos que vivem (...)
Amigos são pessoas diferentes de ti, mas iguais a ti ao mesmo tempo. Amigos são pessoas com quem podes falar durante horas como se passassem 5 minutos. Conversas em que se perde a noção do tempo e que pagavas para que esse tempo passasse mais devagar. Amigos são chamas acesas que tornam significante a nossa tão insignificante vida. Amigos por vezes são a razão de fazermos o que fazemos. Pois dão-nos força e motivação que para que tudo aconteça. Amigos são ombros de conforto (...)
Ontem ouvi uma pergunta que me ficou na cabeça desde então: "Se tu ligasses às 2h da manhã a amigos, quantos deles retribuiam a chamada?". Pensa nisso por um momento.  Esta pergunta leva-nos ao encontro de vários conceitos como amizade, compromisso, confiança, lealdade, entre muitos outros. Leva-nos a questionar até (sendo isto bom ou mau) quem dos nossos amigos era capaz de se preocupar connosco a este ponto. E é nesse tópico que quero chegar. Amizades superficiais existem, quer (...)
Em tempos tão monótonos como os que vivemos, por vezes arranjamos dificuldade em nos entusiasmarmos com alguma coisa. O que nos entusiamava, fizemos nos primeiros dias. Ao fim de 3 semanas, toda essa emoção e sentimento desapareceu e o que restou foi cansaço, aborrecimento e desespero por uma rotina nova. Apesar de tudo, venho-vos dizer que não tem de ser sempre assim. Podem muito bem fazer pequenas mudanças na vossa rotina e aproveitá-la, de verdade. Ficarem genuinamente felizes, (...)
Hoje pelo que parece aqui o Gonçalo faz os seus 21 anos de vida! Durante este dia pensei um bocado sobre estes 20 anos que passaram e o que eu mudei ao longo deste período. E, tenho a dizer, que foram 20 anos muito bem passados. Tenho a sorte de ao longo desta pequena grande jornada me ter deparado com pessoas extraordinárias, com as quais ainda hoje mantenho contacto e que me são muito próximas. Posso dizer que muitas delas fizeram quem eu sou hoje e que sem elas este caminho não (...)
21 Dez, 2019

Segundas famílias

Quão bom é termos amigos que são como família para nós? Quão bom é termos pessoas na nossa vida com quem nós podemos ser nós próprios, sem máscaras? É uma das melhores coisas na vida, isso é certo. Passamos tanto tempo com eles, seja na faculdade, ou noutros momentos que uma boa relação é necessário para o nosso bem-estar. Pessoalmente, sou grato por ter pessoas que considero uma segunda família ao meu lado. Sei que estão cá para mim, da mesma forma que estou aqui (...)
28 Nov, 2019

Amigos ou "amigos"?

As amizades não são escolhidas por acaso. Por vezes pensamos que sim, que nos cruzamos com certas pessoas ao longo da nossa vida, e sem saber bem como e porquê, elas tornaram-se nossas amigas. A verdade é que este processo é todo muito bem calculado, seja isto consciente ou inconscientemente.  As pessoas simpatizam com quem na sua presença se sentem bem, se sentem elas mesmas. Com quem conseguem manter uma conversa positiva, e que lhes transmita confiança e bem estar. É (...)
Tenho a certeza que todos já tivemos aqueles dias ou momentos de reflexão. Hoje tive um momento desses. São alturas por vezes nada fáceis. Não sabemos se aquele pensar todo nos faz bem, mal ou apáticos. É estranho, olhar para trás e reparar que muito já não é o que era. Que os nossos dias estão repletos de novos estímulos quando comparados com os do passado. Novos ambientes, novas pessoas, novas emoções, novos sentimentos e um novo eu. É verdade que este é o caminho (...)
15 Out, 2019

Saber perdoar

Nos tempos difíceis, é mais fácil guardar rancor que perdoar. Perdoar requer coragem, inteligência. É algo que por vezes era a última coisa que se queria, mas a verdade é que é algo necessário. É preciso deixar o ego de lado e aceitar. Acredito que muito do perdoar passa por nos colocarmos no lugar do outro. Empatia com o outro pode ajudar a facilitar a situação. Isto porque, se pensarmos bem, toda a gente erra. E que, infelizmente (ou felizmente) errar faz parte do nosso dia (...)