Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Jornada de um Estudante

Um Blog sobre aprender, ensinar e criar online.

A Jornada de um Estudante

Um Blog sobre aprender, ensinar e criar online.

Será que existe mesmo o tal de "bom" ou "mau"?

A verdade é que a vida é demasiado complexa para saber se algum acontecimento é realmente bom ou mau. Julgamos as coisas boas e más, como se prevíssemos o futuro. Mas nada nem ninguém consegue prever se algo é realmente bom ou mau a longo prazo.

Como William Shakespeare disse: "Nothing is either good or bad, but thinking it makes it so." 

O que faz com que nós vejamos as coisas como boas ou más, são basicamente os três pilares do estoicismo: a nossa perceção do que vemos, a compreensão do que vemos e as nossas crenças.

Ao mudarmos a nossa percepção, a nossa maneira de ver as coisas, conseguimos compreender de forma diferente as situações da nossa vida. 

É frequente colocarmos as culpas em terceiros quando algo na nossa vida corre mal. “Não tive boa nota no teste porque o professor não é bom.” “O meu dia teria sido perfeito se não tivesse este trabalho.” Se tomarmos mais responsabilidade e focarmos nas coisas positivas, a vida pode ficar muito mais simplificada. Se calhar, se não acontecesse tudo de “mal” na tua vida como aconteceu, tu não eras quem és hoje. É importante pegar nessas situações menos boas e transformá-las em situações positivas.

Como falei no meu último post, existe muitas situações que não estão sob nosso controle, mas a nossa percepção não é o caso. Temos total controle da nossa percepção e independentemente da situação cabe-nos a nós como lidar com ela. Seja de uma forma positiva ou de uma forma negativa.

 

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.