Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Jornada de um Estudante

Um Blog sobre aprender, ensinar e criar online.

A Jornada de um Estudante

Um Blog sobre aprender, ensinar e criar online.

As pessoas são seres muito complexos. Ora só pensam em si, ora só pensam nos outros, ou até há aqueles casos em que tende a cair para ambos os lados. 

Pensemos na vida como um baloiço. De um lado estão as pessoas que só pensam nelas próprias. Não se consegue entendê-las. Independentemente da situação, fazem tudo em prol delas próprias sem visar possíveis consequências a terceiros. O egocentrismo impede-as de verem ao seu redor. De ver os outros e o que lhes diz respeito. Olham só para o seu umbigo. Isto vai em discordância com o propósito do ser humano de viver em comunidade. Ajudar e ser ajudado pelos outros. Servir e criar algo que não só lhes facilita a vida como também produz benefícios para a sociedade. 

Do outro lado do baloiço estão as pessoas que fazem tudo para ajudar os outros. A generosidade em pessoa. Aquelas que se sacrificam para facilitar a vida dos outros. Não se importam de ficar prejudicadas, quando os outros estão bem. Ao ponto de, se não ajudarem, se sentirem culpadas do que aconteceu.  E que (verdade seja dita) muitos se aproveitam disso em seu propósito porque sabem que estas pessoas facilitam demais.

E, por fim estão as pessoas a meio do baloiço (não que seja costume as pessoas irem para esta parte, mas vocês perceberam a ideia). As equilibradas. As que ajudam, mas que ao mesmo tempo valorizam-se. Porque quando se começa a facilitar muito, é um ciclo sem fim, as pessoas aproveitam-se e ficas sempre por baixo.

Estas pessoas são as que sabem que por muito que se ajude, não se pode fazer tudo por elas. 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Gonçalo Gonçalves 28.08.2019

    Bem visto, infelizmente parece que este baloiço teria mais esse lugar. ahah
    Obrigado pelo apoio!
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.